quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Pia Batismal - 4

MARK DAVIS/FÁBIO JÚNIOR

Vários artistas hoje consagrados, começaram suas carreiras com outros nomes. É o caso, por exemplo, de Fábio Júnior, que antes de chegar ao estrelato teve de roer muito osso, como se diz na gíria.

Ele iniciou ainda adolescente tocando com os irmãos em grupos como Os Colegiais, Os Namorados, Arco-Íris e Bossa 4.

Sua carreira solo teve início em 1971, aos 18 anos, quando passou a usar o pseudônimo Uncle Jack e logo depois passou para Mark Davis, quando emplacou seu primeiro e único grande sucesso: Don’t Let Me Cry, em 1973.

Cantava só em inglês e poucos sabiam que ele era brasileiro. Só passou a usar Fábio Júnior a partir de 1975, quando gravou - com esse nome - um compacto simples. Daí por diante passou a atuar também como ator e sua carreira deslanchou, transformando-o no sucesso que é hoje.

O vídeo mostra o primeiro grande sucesso de Fábio Júnior – aliás, Mark Davis – que na verdade, nasceu Fábio Corrêa Ayrosa Galvão. (Agradecimentos ao acervo de Wladimyr Videira, do Rio de Janeiro)

2 comentários:

Wladimyr disse...

Valeu por usagem as minhas modestas imagens. Um abração !!!

ampulhetavirtual disse...

Nós é que agradecemos pelo seu bom gosto.
Esperamos que continue acessando o Ampulheta Virtual.
Estamos à disposição.