sexta-feira, 27 de março de 2009

Programas de Humor - 3

Balança Mas Não Cai

Programa que fez extraordinário sucesso tanto no rádio como na televisão. A primeira foto mostra Paulo Gracindo e Brandão Filho nos tempos da Rádio Nacional. Já a de baixo é o fime de cinema com Herval Rossano e uma atriz que não consegui identificar.

No rádio, estreou em 1951, indo até 1967, na Rádio Nacional do Rio de Janeiro. Trata-se de um edifício chamado Balança Mas Não Cai. Tudo girava em torno dos moradores, nas mais variadas situações em seus problemas cotidianos. Os quadros eram ancorados por Wilton Franco que interligava as esquetes entre os moradores.

Em 16 de setembro de 1968, estreou na televisão, pela Globo, seguindo até dezembro de 1971, apresentado ao vivo por Augusto César Vanucci. Em 1972 passou para a Tupi, retornando à Globo em 1982, para ser apresentado por Paulo Silvino. No final de 1983 saiu definitivamente do ar.

Dirigido por Max Nunes, tinha um grupo de redatores com humoristas de primeira linha como Geraldo Alves, Tutuca e Ary Leite. A redação final era de Roberto Silveira.

O vídeo mostra o quadro do Primo Rico e Primo Pobre no programa em 1982.




Já este é uma deliciosa brincadeira de uma das campanhas de final de ano da Globo. Lembra do Invente, tente... faça um 92 diferente. Agradecimentos ao blog Memória da TV.


Agora prestem atenção neste quadro do programa em 1983. Qualquer semelhança com o que vemos hoje em Zorra Total é tremenda cópia. Isso mostra que Chacrinha tinha razão ao dizer que "em televisão nada se cria, tudo se copia". E ainda acho que naquela época, em 1983, isso já devia ser cópia... Agradecimentos ao site Canal Memória.



Curiosidades
<> No elenco fixo destacaram-se tanto no rádio como na TV, Paulo Gracindo (Primo Rico), Brandão Filho (Primo Pobre), Lúcio Mauro (Fernandinho) e Sônia Mamede (Ofélia).
<> Outros grande humoristas que participavam do programa: Berta Loran, Ary Leite, Castrinho, Cole, Costinha, Ema D’Ávila, Walter D’Ávila, Lilico, Nádia Maria, Rogério Cardoso, Tião Macalé e Zé Trindade, entre outros.
<> Balança Mas Não Cai virou filme para cinema em 1953. No elenco, além de Brandão Filho e Paulo Gracindo, participavam também Mario Lago, Marlene, Herval Rossano, Rogéria e Wilson Grey, entre outros.

Nenhum comentário: