quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Tributos - 121

Aposentado, fixou residência em Santos


MORREU ALFREDO BORBA

Faleceu dia 30 de outubro de 2012 o compositor, radialista e apresentador de TV Alfredo Borba, em Santos, onde residia, aos 85 anos.

Como compositor foi autor de músicas de carnaval e algumas marchinhas  sobre futebol, como Gol de Baltazar, Corinthians campeão do IV Centenário, Marechal da Vitória e Marcha dos Campeões da Copa do Mundo.

Como radialista, iniciou na Radio Record, com o programa Discos em Raio X, onde quebrava discos no ar (esse programa, anos após acabou r=virando quadro de programas de TV). Trabalhou também nas rádios Excelsior e Tupi, sempre em São Paulo.

Em 1968, trabalho na TV Excelsior, passando logo em seguida para a Globo, onde comandou os programas A Gaiola de Ouro e As duas faces do disco.

Trabalhou também anos na Bandeirantes, onde trabalhou até meados dos anos 70, quando deixou a Rádio e TV Bandeirantes.
Em 1986, no SBT, jurado ao lado de Sônia Lima

Foi jurado - polêmico - de programas de calouros como de Flávio Cavalcanti e Silvio Santos.

Sem papas na língua e polêmico, Alfredo Borba falava o que pensava e, por isso, criou inimizades.

Mas teve inúmeros amigos e, quando mergulhava numa amizade, era algo sincero e duradouro.

Sua paixão pelo Corinthians era simplesmente desmedida.

Deixou viúva sua segunda esposa Bianca e órfãos seus filhos Alfredinho, Ada e Aloísio. Tinha também netos. Seu corpo foi cremado em Santos.

Nenhum comentário: