sábado, 14 de fevereiro de 2009

Cantores - 2

Antonio Marcos

Nascido Antonio Marcos Pensamento da Silva em São Paulo, 8 de novembro de 1945 e falecido em São Paulo, 5 de abril de 1992, em decorrência de problemas de alcoolismo.

Antes de iniciar na vida artística foi office-boy, balconista e vendedor de loja de calçados. Depois passou por programas de calouros, chegando ao rádio e, finalmente, televisão.

De 1960 a 1962 fez humor em rádio integrando a equipe do grande Estevam Sangirardi, onde cantava, tocava violão e fazia imitações com paródias humorísticas.

Em 1967 iniciou como ator de teatro com as peças Samba Contra Zero Zero Dólar e Pé Coxinho, além de integrar o coral Golden Gate.

Ainda em 1967, gravou seu primeiro disco, como integrante do grupo Os Iguais e logo passou à carreira solo gravando seu primeiro sucesso, Tenho um Amor Melhor Que o Seu, de Roberto e Erasmo Carlos.

A partir daí, passou a fazer sucesso com músicas como Oração de um Jovem Triste e Como Vai Você?, compondo junto com o irmão Mário Marcos. Seu sucesso maior aconteceu em 1973, com O Homem de Nazaré (de Cláudio Fontana). Como ator fez cinema, teatro e novelas. Integrou o histórico elenco da peça Hair e Arena Contra Zumbi. Na TV protagonizou a novela Toninho on The Rock’s (Tupi) e atuou em Cara a Cara (Bandeirantes).

Foi casado com a cantora Vanusa, com quem gravou músicas como Namorada, entre outras. Teve, com ela, as filhas Amanda (que virou nome de música) e Aretha. Depois casou-se com a atirz Débora Duarte, com quem trabalhou na novela Cara a Cara e teve a filha Paloma Duarte.

Participou do final do programa Jovem Guarda na Record e atuou com destaque no Os Galãs Cantam e Dançam aos Domingos, comandado por Sílvio Santos.
(na foto acima, aparece em Os Galãs ao lado de Paulo Sérgio e Marcus Pitter)

O vídeo mostra a notícia da morte do cantor no Jornal Nacional, da Globo. Agradecimentos ao blog Memória da TV.


Curiosidades
<> Gravou oito LPs em português e quatro em castelhano.
<> Em 1991 tinha o projeto de gravar Imagine, de John Lennon, mas a viúva Yoko Ono vetou a versão.
<> Os problemas de alcoolismo renderam problemas de agressão à então esposa Vanusa, que acabaram ganhando manchetes na imprensa.
<> Um de seus maiores sucessos, Como Vai Você?, fez muito sucesso também na voz de Roberto Carlos.
<> Sua terceira e última esposa chama-se Rose, com quem Antonio Marcos teve seu único filho homem, Pablo.
<> Dois anos antes de falecer, morava com Ana Paula, filha de Nice Rossi, primeira esposa de Roberto Carlos.
<> A última música gravada pelo cantor foi Por Amor, versão para Unchained Melody, tema do filme Ghost, em 1991.

3 comentários:

tete disse...

sempre gotei da voz e da beleza de Antonio Marcos suas musicas ate hoje eu canto algumas que pena que a vida não é do jeito que a gente quer.Ivone

Ampulheta Virtual disse...

Você tem razão. Antonio Marcos foi uma grande perda para a música brasileira. Quer como cantor, quer como compositor.
Até emsmo como ator.
Poderia estar até hoje fazendo sucesso, não é mesmo?

ea disse...

Antonio Marcos para SEMPRE será ETERNO, grande perda para nós eu tive o previlégio de acompanhar sua carreira e ouço até hoje suas musicas incansável. (Eu vou ter sempre você)Elisete